ASSEMBLEIA DE DEUS NO BRASIL

sábado, 19 de março de 2011

AS VIAGENS MISSIONÁRIAS DE PAULO

SUBSÍDIO DO PROFESSOR: O PLANO DE AULA.

Este é um recurso pedagógico indispensável. O Plano de Aula consiste no preparo da lição bíblica a partir de suas partes constituintes para formar o todo, harmonizado com o tema ou assunto. Para elaborar o plano é preciso levantar os seguintes questionamentos: quanto tempo terei para explanar toda a lição. Desta forma, poderei dividir os tópicos levando em consideração o tempo. Devo me lembrar que a aprendizagem sadia não se dará pelo acúmulo do que se diz, mas sim, com a forma, a maneira como é dito; que recursos usarei para um melhor aproveitamento. Os recursos didáticos devem ser utilizados de acordo com a faixa etária da classe. A apreensão do conhecimento sofre variação dependendo de quem está sendo transmitido o ensino. Recursos de multimídia, por exemplo, talvez não tenha tanta eficácia para se trabalhar com idosos, dadas as suas limitações perceptivas, quanto se tem com o ensino de outras faixas etárias um aproveitamento de 100%. Mostrar um mapa do AT ou NT para um ancião mediano é praticamente contraproducente. A utilização dos recursos didáticos tem haver com o tipo de classe que se irá ensinar. A metodologia é o ponto crucial, afinal, as aulas se tornam enfadonhas quando o professor se torna previsível. Mesmos gestos, mesma postura, nada surpreendente. Tente inovar, claro, dentro dos limites compatíveis com o assunto, com as normas da Igreja. Uma idéia para se fugir da rotina é aplicar dinâmicas de grupo. Mas, cuidado para não extravasar o tempo da aula.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário